Clima Organizacional

3 Conselhos para implementar um horário flexível em sua empresa

O horário laboral flexível permite aos colaboradores ser os responsáveis por gerenciar seu próprio tempo. A ideia do horário flexível é que os membros da organização tenham a oportunidade de coordenar seu tempo laboral com seu tempo pessoal. Estudos afirmam que fazer atividades recreativas traz benefícios físicos e mentais; realizar diariamente este tipo de atividades pode chegar a reduzir o estresse e a depressão. Desta forma os membros da organização vão ter uma melhor qualidade de vida ao ter um equilíbrio entre as atividades laborais e as atividades pessoais.

Encontre aqui: Produtividade: 5 Pontos para gerir o tempo eficientemente

Para as empresas atuais, é um grande desafio poder gerenciar de maneira adequada o tempo de todos os seus membros em seu posto de trabalho. Em sua grande maioria, a melhor maneira para reter o talento não é tanto aumentar os salários ou os benefícios que um plano estruturado de compensação pode trazer, sem adotar políticas de horário laboral flexível. Está comprovado que a partir de certo nível de rendimentos, o trabalhador se sente mais motivado com outro tipo de incentivos, como o horário laboral flexível como um dos principais.

Leia também: Os benefícios laborais preferidos pelos millennials

A grande maioria das empresas de hoje estão se consciencializando acerca do impacto que têm os horários laborais sobre a produtividade de seus membros. Mais horas laborais não significa maior produtividade laboral. Alguns estudos também demonstraram que o máximo de tempo em que podemos manter a concentração é de 20-25 minutos. O horário flexível em muitas empresas apresenta uma série de benefícios tanto para os resultados e metas próprias da empresa, como para os colaboradores.

De seguida, sugerimos alguns conselhos para que as empresas possam ter em conta a hora de estabelecer e gerenciar horários flexíveis.

  1. Estabelecer um horário fixo-variável:

Nesta opção, a empresa mostra ao colaborador diferentes opções de horários laborais para que este escolha. Se um deles for escolhido, isso se torna o horário fixo obrigatório.

  1. Horário flutuante:

Nesta opção, o colaborador escolhe sua hora de entrada e uma vez que tenha entrado, o colaborador deve cumprir com as horas estabelecidas que marca a sua jornada laboral.

  1. Horário livre:

Nesta opção, o colaborador escolhe gerenciar seu horário laboral de maneira independente e livre sempre e quando se cumpra com os objetivos que a empresa exige.

Recomendamos: O Top 10 de empregos com maior equilíbrio entre vida pessoal e laboral

Negociar e estabelecer os horários desde um princípio não permitirá apenas gerar uma confiança entre o colaborador e a empresa, mas também proporcionará uma série de benefícios pessoais para o colaborador e para a organização.

Abaixo deixamos os principais benefícios que uma empresa obtem quando existe um horário laboral flexível e uma boa gestão:

  • Melhora do clima laboral dentro da empresa.
  • Aumento do rendimento e da produtividade dos colaboradores.
  • Redução do absentismo da empresa.
  • Aumento na satisfação e motivação do colaborador.
  • Redução nos níveis de “burnout” ou sobrecarga laboral.
  • Aumenta o “engagement” ou compromisso dos colaboradores

Leia mais aqui: Os 10 passos para aumentar sua produtividade laboral

Para começar a fomentar o horário laboral flexível para os colaboradores, se deve promover uma cultura de confiança por parte dos líderes para seus membros. Para além disso, a cultura sobre a boa gestão do tempo também deve ser imposta para que a organização possa observar bons resultados sobre a produtividade laboral. Os colaboradores devem compreender que não se trata de trabalhar menos horas, sem conseguir uma boa distribuição de su tempo.

Avalie o desempenho de sua equipe facilmente e aumente a produtividade e a retenção de talentos em sua organização