Clima Organizacional

Clima Laboral: 71% dos colombianos não é feliz em seu trabalho

A felicidade e comodidade no trabalho é talvez o que qualquer pessoa quer ter para desenvolver seus labores plenamente e se entregar por completo à empresa. A felicidade é o fator mais importante para que as pessoas se sintam satisfeitas, motivadas, aumentem sua produtividade e se comprometam totalmente com a organização para a qual trabalham.

No entanto, os resultados de um recente estudo feito pelo portal e busca de emprego Trabajando.com, refletem um panorama desolador quanto aos níveis de satisfação laboral na Colômbia. O inquérito levado a cabo em Bogotá, Medellín, Cali, Cartagena, Barranquilla, Bucaramanga, entre outras cidades capitais e contou com a participação de 2350 trabalhadores, 36% homens e 64% mulheres. (Leia mais sobre a mulher e sua importância para a produtividade laboral)
A conclusão principal do estudo é tão alarmante como contundente: 71% dos participantes disseram não se sentir felizes com o trabalho que fazem na atualidade. Quanto à preferência entre estabilidade no trabalho e felicidade laboral, 55% disse que ter estabilidade é mais importante do que se sentir feliz com seu trabalho. (Aprenda como gerenciar um clima laboral hostil)75% dos entrevistados são maiores de 27 anos, 20% estão entre os 21 e 26 anos e 5% entre os 18 e os 20 anos. 48% deles são profissionais, 23% são técnicos, 16% têm o de secundário e os 13% restantes têm estudo de pós-graduação.

71% dos entrevistados disseram que ter trabalho é importante, mas não determinante para ser feliz, 26% disseram que ter um emprego é o principal fator para a felicidade e 3% afirmou que o trabalho não influencia em nada a felicidade. Quanto ao cargo e nível salarial, 54% disse que se tivessem um melhor salário seriam mais felizes e 46% disse que um melhor cargo e salário não os faria mais felizes.

Em relação aos elementos determinantes para conseguir a felicidade no trabalho, 41% respondeu que um bom clima laboral, 24% disse que a realização pessoal, 11% que um melhor salário, 11% o desenvolvimento da carreira, 7% que a flexibilidade laboral e 6% afirmou um bom chefe. (Leia aqui sobre a rotatividade laboral e a falta de oportunidades de promoção)

Finalmente, perguntaram aos participantes se acreditavam que ao ter um negócio próprio poderiam ser mais felizes, 84% respondeu que sim porque poderiam organizar melhor o tempo e se dedicar ao que gostam. Enquanto 16% disseram que não porque teriam que assumir demasiadas obrigações e responsabilidades. (Conheça os aspetos chave para melhorar as relações laborais)

Assim sendo, um clima laboral estável, que ofereça as condições adequadas aos colaboradores para desenvolver suas tarefas e para impulsionar sua carreira profissional, é determinante para a satisfação, motivação e felicidade da equipe de trabalho, o que se refletirá nos níveis de produtividade e competitividade da organização. (Consulte aqui: 5 conselhos para fortalecer o clima laboral)

Avalie o desempenho de sua equipe facilmente e aumente a produtividade e a retenção de talentos em sua organização