Clima Organizacional

Espaços de trabalho: chaves para melhorar o clima laboral e a produtividade

Trabalhar desde casa é uma alternativa conveniente para que as organizações e seus colaboradores poupem dinheiro em deslocalizações, manutenção de instalações, mobiliário e equipes de trabalho. No entanto, as distrações que existem em casa são muitas e, portanto, a disciplina é a chave para manter a produtividade laboral.

Consulte aqui: 6 regras para gerenciar a produtividade laboral sem complicações.

O planejamento ajuizado e um alto grau de compromisso são necessários para obter bons resultados no desenvolvimento do trabalho desde casa, caso contrário, a tentativa pode se tornar um grande problema que acabaria por diminuir a produtividade e desordenar os esquemas de trabalho e comunicação da organização.

Leia aqui: A importância da comunicação interna nas organizações

Trabalhar desde casa implica fazê-lo com a mesma responsabilidade com a que o fazia no escritório. Para alcançar as metas, é recomendável seguir a rotina específica com os mesmos horários normais de alimentação e asseio pessoal e não misturar seus assuntos pessoais com os laborais. Hoje temos 5 conselhos para gerenciar produtivamente o trabalho a partir de casa. Vejamos:

1. Mudar o chip

Ao passar seu posto de trabalho para casa, você deve assumir que a mudança é basicamente espacial e que, felizmente, você evitará viagens demoradas e estressantes. Você deve ter em mente que se você organizar seu tempo bem, poderá ter uma grande flexibilidade horária e obter mais tempo para tratar de seus assuntos pessoais. As responsabilidades permanecem as mesmas, talvez até maiores, mas a chave não é levar a liberdade da casa como uma desculpa para adiar o trabalho. (Leia mais sobre a flexibilidade laboral)

2. Estabelecer o espaço

Abandonar o típico escritório não implica que você possa estar todo o dia na cama ou em frente ao televisor com seu computador pessoal. O ideal é estabelecer um lugar específico e adequado em sua casa para fazer o trabalho, que se encontre separado das distrações próprias do lugar como as crianças, as tarefas domésticas ou os televisores.

3. Definir as regras básicas

Antes de começar a trabalhar em casa,devem ser estabelecidos os limites específicos para conseguir desempenhar as funções e tarefas a seu cargo com sucesso. Estas regras devem ser muito estritas, por exemplo não permitir que as crianças, as mascotes e as visitas se encontrem em casa durante o horário de trabalho. Distrações tecnolôgicas como televisores e a excessiva consulta de redes sociais deveriam evitar-se ao máximo.

Leia também: Competências laborais: a atitude também importa

4. Definir os horários

Este aspeto é fundamental para o sucesso do trabalho desde casa. Cumprir com os mesmos horários do escritório é uma boa opção para manter a produtividade, também pode reduzir a duração do dia de trabalho aproveitando o tempo que antes se gastava em deslocações e que agora poupará. A chave é que tanto você como sua família respeitem o tempo de seu trabalho e separem os assuntos de casa e os de trabalho.

5. Avaliar o desempenho

Após um período razoável de tempo, um mês, por exemplo, é aconselhável avaliar a experiência e os resultados obtidos no desenvolvimento do trabalho em casa. Se você definitivamente percebe que sua produtividade diminuiu ou que você não conseguiu equilibrar sua vida pessoal e laboral em esse espaço, talvez seja melhor regressar ao escritório e tentar a partir de casa mais tarde.

Recomendamos: Para quê implementar uma avaliação de competências laborais 360º?

É necessário ser honesto e entender que talvez seus companheiros de trabalho te façam falta, que existem problemas de comunicação ou de gerenciamento de informação, o que simplesmente não se sente cómodo trabalhando em sua própria casa. A solução em esse caso é regressar ao escritório e, no futuro, planejar melhor o trabalho desde casa.

Avalie o desempenho de sua equipe facilmente e aumente a produtividade e a retenção de talentos em sua organização