Produtividade

Produtividade: 3 razões para flexibilizar a estrutura de comando em sua empresa

A maioria das organizações têm uma estrutura de comando hierárquica, definida e rígida onde cada colaborador tiver noção da posição que ocupa dentro da empresa. Isso é o modelo tradicional em que os criadores da empresa ocupam a parte mais alta da estrutura e tomam todas as decisões.

No entanto, as estruturas organizacionais democráticas poderão ser mais produtivas para a empresa. Dar um certo poder a todos os colaboradores para que tomem suas próprias decisões e executem as estratégias corporativas seguindo seu critério, poderia ajudar a impulsionar a inovação e melhorar o rendimento laboral.

Tim Kastelle, professor catedrático de inovação em Queensland Business School, explica em seu blog na revista Harvard Businnes Review, que uma organização horizontal supera na maioria das situações o modelo vertical tradicional.

Kastelle argumenta que existem razões sólidas, comerciais e de gerenciamento de recursos humanos, para proporcionar maior autonomia aos funcionários ao fazer seu trabalho e flexibilizar as cadeias de comando em pequenos grupos de trabalho em vez de estruturas de comando hierárquicas e rígidas.

A tese de Kastelle, segundo a qual as empresas sem cadeias rígidas de comando têm melhor desempenho, se justifica na necessidade das empresas de tomar decisões ágeis para ser importantes em um mercado altamente competitivo como o atual. A flexibilidade na tomada de decisões e a capacidade de adaptação às mudanças e exigências que peçam aos cliente e o mercado são a chave para sobreviver.

Estas são 3 razões pelas quais as empresas deveriam considerar a possibilidade de democratizar muito mais suas estruturas de comando:

Agilidade:

Se em sua empresa os funcionários devem sempre passar dias esperando a aprovação de certas decisões para poder fazer seu trabalho, a cadeia de produtividade vai ser interrompida e a competitividade de sua empresa será notavelmente reduzida. As empresas com pequenas equipes autónomas respondem muito mais facilmente às mudanças do que as organizadas com complexas estruturas de comando.

Inovação:

Se sua empresa requer que os funcionários estejam em contacto permanente e o trabalho em equipe é a base para dar resultados, a flexibilização das cadeias de comando é ideal para você. A autonomia dada aos colaboradores os faz sentir motivados e muito mais satisfeitos com seu trabalho, o que resposta frente às mudanças e desafios que assuma a empresa.

Objetivo comum:

As estruturas de poder flexíveis animam mais seus colaboradores a trabalhar pelos objetivos comuns da empresa. Não é necessário ter sempre uma pessoa que controle cada passo que os funcionários dão, se você contratou seus colaboradores é porque estava seguro de suas capacidades e sabe que têm o critério apropriado para responder aos desafios e cumprir com suas funções.

A flexibilidade em assuntos como os horários de trabalho ou cadeias de comando em uma organização, é um elemento importante para estabelecer um clima laboral ótimo e manter seus funcionários motivados, satisfeitos e fazendo seu trabalho com a produtividade e competitividade necessárias para que a organização alcance seus objetivos.

Avalie o desempenho de sua equipe facilmente e aumente a produtividade e a retenção de talentos em sua organização