Recursos Humanos

Três razões para usar People Analytics em sua organização

As organizações estão mudando constantemente. Por esta razão, é vital para qualquer empresa otimizar e reter seu talento humano usando as ferramentas digitais mais eficientes e rentáveis. Tal é o crescente interesse nesta área, que se tornou cada vez mais comum falar sobre People Analytics nos departamentos de Recursos Humanos (RH) de várias empresas na Europa e nos EUA, como o Google e o Facebook.

People Analytics é definido como um conjunto de técnicas que recolhem informação de colaboradores através de métodos qualitativos, a fim de otimizar as operações da empresa através da análise subsequente dos dados coletados. Em suma, é a aplicação de técnicas de Big Data nos processos dos departamentos de Recursos Humanos.

Esta técnica na gestão do talento humano que nasceu no meio do ritmo vertiginoso das mudanças tecnológicas da última década, criou interesse por criar mecanismos de análise que permitam aos funcionários usar informações de forma colaborativa. Portanto, hoje vamos abordar 3 razões pelas quais você deve considerar o uso de People Analytics em sua organização. Vejamos

Relatórios detalhados

Os relatórios resultantes da aplicação de People Analytics oferecem aos gerentes de RH informações precisas e facilmente interpretáveis ​​sobre processos de recrutamento, retenção de talento e mecanismos de avaliação. A análise também pode ser realizada com o objetivo de moldar a estrutura da organização, determinar o estado do clima organizacional e gerir as competências dos colaboradores.

Simplificação de processos

As informações de People Analytics podem conter dados relacionados a fatores de nível individual (treinamento, experiência, motivação, oportunidade), nível de grupo (composição, coesão, colaboração, liderança, comunicação) e nível organizacional (design organizacional, responsabilidades do cargo, cultura e clima laboral). Desta forma, você pode avaliar facilmente o desempenho das equipes, aumentar sua produtividade e desenvolver suas habilidades individuais.

Leia também: 3 Razões para gerir seu talento humano com Big Data

Promova o compromisso

Apesar dos múltiplos usos que a análise fornecida pela People Analytics pode ter, o objetivo é buscar a melhoria contínua da equipe de trabalho. Essa é a chave. A informação deve ser entendida não em termos de competências e fraquezas individuais, mas na forma como os funcionários contribuem com o trabalho para aumentar a satisfação, o comprometimento e rendimento daqueles que trabalham ao seu redor

Foi dito sobre People Analytics que é a melhor alternativa para gerir o capital humano; capital que vem se tornando o ativo mais importante das empresas que querem fazer crescer seus negócios e expandir suas marcas sem sacrificar o bem-estar de sua equipe de trabalho. No entanto, muitos questionam a obtenção de informações sobre os colaboradores, uma vez que muitos dos fatores a serem avaliados invadem sua privacidade, como é o caso da análise sociométrica.

A verdade é que posições como People Analytics Manager, Data Engineer HR ou Data Scientist foram criados nos departamentos de Recursos Humanos para aproveitar o potencial de People Analytics. O que mostra o surgimento deste sistema de análise de informações.

É essencial que as organizações e seus departamentos de RH comecem a levar em consideração os mecanismos de análise de informações fornecidos por People Analytics para otimizar o crescimento das organizações em seus níveis estratégico, tático e operacional. Desta forma, eles podem melhorar a produtividade através de uma leitura adequada das percepções, pontos fortes e áreas de melhoria dos funcionários.

Avalie as competências de seus colaboradores e aumente a produtividade em sua organização